Pensando no assunto criamos um post especialmente para você. Hoje, você vai conhecer as 8 principais características de um líder que devem ser desenvolvidas. Continue lendo nosso conteúdo e fique por dento do assunto. Boa leitura!

1. Capacidade de influenciar outras pessoas

Para Peter Drucker, pai da administração moderna, a principal característica de um líder é sua capacidade de fazer seguidores. Isso quer dizer que todo grande líder também é um grande influenciador, capaz de arrebatar muitas pessoas à ação.

Essa é uma das habilidades mais importantes, mas é crucial compreender que ela não vem com o poder posicional (cargo formal na empresa). Ela deve ser desenvolvida ao longo do tempo, passo a passo. Mas, afinal, como desenvolvê-la?

De acordo Simon Sinek, escritor norte-americano, tudo começa com um grande propósito! É preciso que o líder se faça uma única pergunta “por quê?”. Quando um líder conhece a si mesmo e entende por que faz o que faz, também consegue influenciar outras pessoas.

2. Inconformidade com o status quo

Já ouviu falar no status quo? Essa palavra refere-se ao estado atual de alguma coisa, como a empresa ou equipe de trabalho. Líderes bem-sucedidos nunca estão satisfeitos com o estado atual das cosias a seu redor, desejam sempre alcançar algo maior e melhor.

Mas para desafiar a posição atual é preciso fazer algo diferente, que outros líderes não ousaram fazer. Para Albert Einstein, ilustre físico alemão, a maior prova de insanidade é fazer a mesma coisa, dia após dia, e esperar por resultados diferentes.

3. Disciplina para realizar as tarefas diárias

Nenhum grande líder é pouco produtivo, ou é? Certamente, não! Deve-se entender que os resultados de uma equipe são o reflexo da ousadia e determinação do seu líder. Desse modo, se o líder é produtivo, a equipe de trabalho também é.

E esse é um importante ponto para se tratar. Um recente estudo divulgado pela revista exame, disse que apenas 39% do tempo de trabalho é produtivo. Onde estão os 61% restante do tempo? Em reuniões desnecessárias, procrastinação e conversas paralelas.

Para aumentar a produtividade é importante ter uma boa gestão do tempo. Nesse sentido, uma interessante técnica é a matriz do tempo. Ela ajuda a dividir as tarefas diárias em: importante e não importante. Logo depois em: urgentes e não urgentes.

4. Habilidade para se comunicar eficientemente

A comunicação é uma grande “arma” para qualquer líder. Com ela, é possível criar laços mais fortes com os membros da equipe, gerenciar conflitos, solucionar problemas que insistem em existir, engajar pessoas à ação e dezenas de outras coisas.

Porém a maioria das pessoas acredita que o mais importante na comunicação é ser um bom orador. Um equívoco! Um estudo realizado no ano de 1967, pelo professor universitário Albert Mehrabian mostrou que apenas 7% da eficácia da comunicação está ligada ao conteúdo das palavras, 38% está ligado ao tom da voz e 55% à linguagem corporal.

Outro ponto importante para se considerar é a capacidade de ouvir os funcionários, coisa cada vez mais escassa no ambiente corporativo. Um verdadeiro líder deve saber ouvir seu time, entender suas dores e necessidades sempre que possível.

5. Precaução em relação às mudanças

O mercado tem mudado a passos largos. Hoje, por exemplo, é possível falar sobre quarta revolução industrial e os efeitos da inteligência artificial nos negócios. Um líder deve estar atento a essas mudanças, garantindo que sejam benéficas e não maléficas ao seu time.

Para isso, é preciso conhecer uma ferramenta criada na década de 40 pelo professor Albert Humphrey, da universidade de Stanford, a matriz SWOT. Seu principal objetivo é identificar as oportunidades e ameaças do ambiente externo e cruzá-las com as forças e fraquezas da empresa (ou equipe de trabalho, se preferir).

6. Disposição para liderar pelo exemplo

Infelizmente, ainda existem chefes que insistem em repetir uma antiga frase: “faça o que eu falo, mas não faça o que eu faço”. Esse é um grande problema, especialmente porque a maior parte da autoridade de um líder vem justamente do exemplo que é dado diariamente.

Para entender melhor, é preciso compreender o real conceito de autoridade.

Para James Hunter, autor do livro “o monge e o executivo”, há uma grande diferença entre poder e autoridade. O primeiro está ligado à capacidade de poder obrigar os outros a fazer uma coisa, e esse poder pode ser dado ou vendido. No entanto, a autoridade refere-se à capacidade de fazer com que as pessoas façam o que deseja de bom grado.

Quando um líder conduz seu time pelo exemplo, consegue desenvolver essa autoridade. Para tanto, é preciso estar disposto a colocar a “mão na massa”, respeitar a cadeia de comando, abraçar os valores da empresa e ouvir os subordinados.

7. Competência para entregar resultados

Qual a maior obrigação de um líder? Para muitos é a destreza de manter as pessoas motivadas, ou satisfeitas ou felizes em seu local de trabalho. Mas se essa mesma pergunta for feita para um grupo de executivos, elas certamente dirão “entregar resultados”.

Um líder existe para tornar os objetivos da empresa, por mais ambiciosos que sejam, realidade. Para isso, deve saber atuar em dois principais sentidos: primeiro, como um solucionador de problemas; segundo, como um catalisador de grandes resultados.

Os resultados de um líder, na realidade, dependem dos resultados de sua equipe. Por tanto, é preciso manter cada profissional sempre focado nas tarefas diárias, por meio de metas inteligentes e alinhadas estrategicamente aos objetivos maiores da empresa.

8. Humildade para reconhecer e recompensar seu time

Por último, mas não menos importante, está a humildade do líder. Na realidade, essa talvez seja a característica que mais distingue um verdadeiro líder de alguém que apenas ocupa um cargo de comando. É crucial reconhecer e recompensar o trabalho do time!

Na prática, o reconhecimento pode ser feito por meio de feedbacks, mostrando que está sempre de olho nos resultados apresentados, sejam eles positivos ou negativos. A recompensa, por outro lado, pode ser dada por meio de bonificações, viagens ou comissões, por exemplo. O mais importante é ter humildade.

Essas são características que certamente devem ser desenvolvidas pelo líder de equipe. Ao fazer isso, será possível conquistar patamares cada vez mais elevados.

Gostou do nosso conteúdo? Está pronto para desenvolver em si as características de um líder? Então aproveite para compartilhar nosso conteúdo em suas redes sociais, assim seus amigos também poderão ficar por dentro do assunto. Vamos lá!